Ads  

Muitas pessoas aguardam ansiosas a liberação do benefício PIS/PASE, contudo, existem muitas dúvidas sobre o assunto, por isso, neste artigo iremos abordar Caixa libera saque ‘esquecido’ do PIS/Pasep em junho. Veja como sacar.

Atualmente, a Caixa Econômica Federal divulgou edital para retirada da cota do fundo PIS/Pasep. Nesse sentido, esses valores foram pagos aos trabalhadores que tiveram suas carteiras assinadas entre 1971 e 1988 e não resgataram seus respectivos valores.

Em primeiro lugar, é importante ressaltar que cerca de 10 milhões de pessoas devem receber esse pagamento, no valor de cerca de 23 bilhões de reais.

  Ads  

Segundo a Caixa, um dos motivos para o acúmulo de recursos é que grande parte desses beneficiários se aposentou ou mesmo faleceu.

Entenda a diferença entre PIS e PASEP;

PIS

O Regime de Integração Social (PIS) destina-se aos trabalhadores do setor privado com carteira assinada.

Enquanto a administração geral é feita pelo Governo Federal, ela é custeada pela Caixa Econômica Federal. O PIS foi criado por meio da Lei Complementar (LC) nº 7/1970 para envolver os funcionários do setor privado no desenvolvimento da empresa.

PASEP

Enquanto isso, o PASEP tem como alvo funcionários públicos e militares. A diferença é que os pagamentos são feitos pelo Banco do Brasil. Instituído pela LC nº 8/1970, o regime permite que os distritos federal, estadual, municipal e federal financiem servidores públicos.

O valor do PIS/PASEP

O valor do PIS e do PASEP é definido com base nos reajustes salariais anuais realizados pelo governo federal.

Nesse caso, o salário mínimo é definido como um teto para os bônus salariais, o valor mais alto que os trabalhadores associados a ambos os esquemas podem ganhar.

O valor é acumulado com base no número de meses trabalhados no ano base.

Confira Cota do Fundo PIS/PASEP

Durante a gestão do presidente Jair Bolsonaro, a cota do fundo PIS/Pasep foi extinta por meio da Medida Provisória nº 946. Portanto, os beneficiários com contas pessoais do valor da cota transferiram o valor para o FGTS.

Dessa forma, as consultas de cotas de PIS/PASEP podem ser feitas por meio do aplicativo FGTS, site da Caixa e Caixa Internet Banking (para correntistas).

Por outro lado, a consulta do saldo da cota do Fundo PIS/Pasep pode ser feita por meio do CPF (ou CIC antigo) ou do número do NIS fornecido nos seguintes documentos:

• no Cartão de Cidadão;

• na descrição geral da carteira de trabalho antiga;

• na página de identificação da nova carteira de trabalho;

• No extrato do FGTS impresso.

O beneficiário ou herdeiro também precisará de uma senha ao consultar o número do NIS.

Por fim, caso o trabalhador não possua cartão de cidadão ou o valor seja superior a R$ 3.000, o beneficiário pode dirigir-se à agência da Caixa após apresentar documento oficial com foto.

Herdeiro

Para herdeiros, os saques devem ser feitos em uma agência da Caixa. No entanto, é necessário apresentar uma declaração de mútuo acordo e uma declaração de que não existem outros sucessores.

Por fim, documentos como a certidão de óbito também são necessários. Além disso, os cidadãos devem apresentar uma certidão ou declaração familiar; ou inventário; ou autorização judicial para certificar essa informação.

Como consultar?

Para consultar o PIS/Pasep, você deve informar o número final do NIS (número de identificação social), pois deve acessar o aplicativo do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Você pode sair do próprio aplicativo. É possível sacar até R$ 3 mil em casas lotéricas e na Caixa.

Agora que você já sabe de todas as informações sobre o benefício do PIS/PASEP, chegou o momento de consultar seu saldo e sacar seu valor na data certa, pois, caso perca a data o valor ficará retido, aguardando nova data para liberação.

  Ads